Início ES Acusado de matar empresária com vergalhão no ES vai a júri popular

Acusado de matar empresária com vergalhão no ES vai a júri popular

Crime aconteceu em maio de 2018. O julgamento da morte da empresária acontece no Fórum de Vila Velha.

16
0

Felipe Rodrigues Gonçalves, acusado arremessar uma barra de ferro que atingiu e matou a empresária Simone Venturini Tonani, de 42 anos, em maio de 2018, vai a Júri Popular nesta quarta-feira (15), no Fórum de Vila Velha, no bairro Boa Vista.

Empresária Simone Tonini, morta em Vila Velha, após ser atingida por barra de ferro — Foto: Reprodução/ TV Gazeta

Empresária Simone Tonini, morta em Vila Velha, após ser atingida por barra de ferro.

A mulher estava parada dentro de um carro na Avenida Champagnat, em Vila Velha, com filho dela, que tinha acabado de buscar na escola, quando o homem em situação de rua lançou uma barra de ferro contra ela. A empresária chegou a ser socorrida, mas teve morte cerebral.

Felipe foi preso logo depois do crime e levado para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Viana.

O Ministério Público do Espírito Santo pediu a condenação do homem por homicídio doloso qualificado por motivo fútil. A defesa pede que a justiça desqualifique o crime como doloso, porque, segundo os advogados, o Felipe não tinha intenção de acertar a empresária.