Home / ES / Bares e restaurantes de Vitória ganham na Justiça direito de funcionar durante quarentena

Bares e restaurantes de Vitória ganham na Justiça direito de funcionar durante quarentena

Os bares e restaurante de Vitória conseguiram na Justiça a autorização para abrir até as 16 horas durante o período de quarentena decretado pelos governos municipal e estadual. Desde a última semana, a população do Espírito Santo está em isolamento social para evitar o aumento de casos do novo coronavírus.

Apesar do governo estadual ter autorizado bares e restaurantes a ficarem abertos ao público até 16 horas, a prefeitura de Vitória havia restringido a atividade desse tipo de comércio, que podiam abrir apenas com entrega nas casas ou busca dos pedidos nos estabelecimentos.

O presidente do Sindicato de Bares e Restaurantes (Sindbares-ES), Rodrigo Vervloet, explicou que, por causa da diferença de regras, a entidade decidiu recorrer a justiça. A decisão saiu na quarta-feira (25) e, nesta quinta (26), os bares já voltaram a abrir as portas.A decisão é válida para todo o Espírito Santo.

“A prefeitura de Vitória se sensibilizou e agora estamos trabalhando juntos para comunicar esses restaurantes para terem o melhor desempenho sanitário possível, para dar segurança aos clientes e colaboradores”, informou Vervloet.

No entendimento do presidente do sindicato, os restaurantes atuam dando apoio a setores econômicos que não podem para durante a quarentena de coronavírus.

“Inicialmente foi nessa intenção de evitar ao coronavírus, mas que os restaurantes são essenciais para dar apoio aos setores que não podem parar. Já temos uma rigidez sanitária maior do que de outros comércios em geral. Estamos tomando medidas como o distanciamento maior das mesas, o sistema de delivery e a pessoa também pode levar para comer em casa”, explicou o presidente.

Veja Também

Ufes decide manter calendário acadêmico de 2020

A Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) decidiu manter o calendário acadêmico de 2020, que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *