Home / ES / Criminosos matam economista a tesouradas dentro de apartamento em Vila Velha, ES

Criminosos matam economista a tesouradas dentro de apartamento em Vila Velha, ES

Dois homens, um de 18 e outro de 21 anos, foram presos depois de matarem a tesouradas o economista Raul Bussolotti, de 41 anos, na madrugada deste domingo (23), em Vila Velha, na Grande Vitória.

De acordo com a Polícia Militar, no momento da prisão, os dois homens estavam fugindo em um carro de aplicativo com vários pertences da vítima.

O crime aconteceu no bairro Santa Paula I, dentro de um condomínio da região.

Os dois homens confessaram o assassinato. Os nomes dos presos não foram divulgados.

Em nota, a PM informou que um veículo de aplicativo entrou na frente dos policiais e o porteiro pediu que os militares seguissem o carro, pois pegaria uma passageira na residência.

“Os militares acompanharam o veículo e ao chegar na casa, saíram dois indivíduos e entraram no imóvel, fechando o portão rapidamente. Questionados se havia alguma festa ou som alto no local, os indivíduos informaram que já tinha acabado e o proprietário estava dormindo”, informou o trecho da nota.

Com o suposto problema resolvido, os militares foram até a portaria, mas foram informados pelo porteiro que a síndica teria ouvido gritos de socorro vindos de um imóvel.

Ao retornarem e revistarem o veículo de aplicativo onde os homens estavam, os PMs encontraram três papelotes de cocaína e uma réplica de revólver.

O motorista de aplicativo disse aos policiais que havia mais materiais retirados do apartamento no porta-malas.

No carro foram encontrados uma televisão 32 polegadas, uma televisão 41 polegadas, um videogame, um kit de videogame, dois celulares, uma réplica de revólver e uma bolsa com alimentos perecíveis, além de objetos pessoais do economista.

Diante da situação, a síndica foi ao apartamento do morador, e como ninguém respondeu, os militares entraram no imóvel com ela.

“Os militares perceberam que havia algo suspeito em toda a situação e, juntamente com a síndica, entraram na residência vendo muita coisa espalhada e sangue no chão da sala em direção ao quarto que estava fechado. Ao abrir a porta foi encontrado o corpo do morador, nu, porém com lençóis cobrindo o rosto e o ventre”, diz trecho da nota enviada pela PM.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas antes da chegada da ambulância, uma enfermeira vizinha verificou que Raul já estava morto.

Após retirarem os lençóis que cobriam a vítima, a síndica e o militares perceberam várias lesões no pescoço de Raul e uma tesoura ao lado do corpo.

Os dois homens contaram que Raul foi morto com tesouradas após uma discussão.

“Os dois indivíduos disseram que estavam há dois dias na casa e foram contratados por um site para fazer programa com o morador. Eles também afirmaram que estavam usando drogas, que houve uma discussão, quando o morador foi atingido com golpes de tesoura”, diz a nota da PM.

Veja Também

Motorista de aplicativo é baleado durante tiroteio perto de PA em Vitória

Um motorista de aplicativo de 46 anos foi baleado no pescoço durante um tiroteio na madrugada deste …