Home / MG / Mãe diz ‘não aguentar mais cuidar de filhos’ após ser detida por suspeita de estrangular bebê de 3 meses e agredir menino de 7 anos em Patrocínio

Mãe diz ‘não aguentar mais cuidar de filhos’ após ser detida por suspeita de estrangular bebê de 3 meses e agredir menino de 7 anos em Patrocínio

Uma mulher de 30 anos foi presa na noite da última quarta-feira (1º) suspeita de ter tentado estrangular o filho de 3 meses de idade e de agredir o outro, de 7 anos, em Patrocínio. Durante a ação da Polícia Militar (PM), ela chegou a afirmar que queria ir para a penitenciária pois “não aguentava mais cuidar de filhos”.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado sobre o caso, uma vizinha percebeu a situação e acionou a PM. Segundo a testemunha, a mãe havia consumido bebida alcoólica durante todo o dia e, já à noite, começou a agredir os filhos.

Outros moradores da região tentaram conter a mulher, que chegou a acertar uma garrafa de vidro na cabeça de um deles. Ela também pegou uma faca e começou a ameaçar os vizinhos, dizendo ainda que mataria os filhos e que “ninguém poderia impedir”.

Antes de ser detida, a mãe das crianças ainda quebrou a porta de vidro de uma casa vizinha. Segundo a PM, ela foi presa pelos crimes de maus tratos, ameaça e dano. Na delegacia, ela afirmou que “não aguentava mais filhos” e que “queria ir para a penitenciária passar uns dias”.

A Polícia Civil afirmou que a mulher foi ouvida e liberada depois de assinar um termo de comparecimento. As crianças foram entregues para o pai no mesmo dia, e uma investigação sobre as agressões está em andamento. O Conselho Tutelar de Patrocínio informou que também acompanha o caso.

Veja Também

Homem morre após bater caminhão em restaurante na MG-010, na Serra do Cipó

Um homem de 62 anos morreu após colidir o caminhão em um restaurante na MG-010, na Serra …